loading...

Polícia Civil, Semas e Sefa apreendem mais de 1 milhão de cabos de vassouras sem procedência comprovada em Belém


A Polícia Civil, a Secretaria de Estado de Meio-Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa) deflagraram, ontem, uma operação conjunta que resultou na apreensão de mais de 1,1 milhão de cabos de vassoura sem comprovação de procedência, em Belém. Os produtos foram apreendidos em galpões de várias empresas localizadas na Avenida Bernardo Sayão, às margens do rio Guamá, na orla da capital paraense.
A apreensão foi comandada por policiais civis da Divisão de Investigações e Operações Especiais (DIOE). Segundo o delegado Aurélio Paiva, titular da Delegacia de Ordem Administrativa (DOA), vinculada à DIOE, as apreensões resultaram do trabalho integrado dos órgãos estaduais, que foram apurar informações sobre a irregularidade das mercadorias.
Com a constatação das irregularidades, explica o delegado, serão instaurados inquéritos administrativos e policiais para apurar os fatos.
"Será investigada a autoria das cargas irregulares", explica o delegado, uma vez que os responsáveis pelos cabos de vassoura não foram encontrados no local. Todas as mercadorias permanecem apreendidas no local.

Nenhum comentário:

Postar um comentário